23 abril 2007

II Rota da Liberdade em BTT


Realizou-se ontem, dia 22 de Abril, a II Rota da Liberdade em BTT por terras do concelho de Vila Flor. A adesão foi enorme, comparecendo mais de centena e meia de participantes vindos de toda a região de Trás-os-Montes e Alto Douro. Participaram várias equipas representativas do melhor que há, neste desporto, na região, como a equipa da Quinta da Redonda, de Vila Real. As inscrições online faziam já adivinhar uma elevada participação, foi triplicado o número de participantes em relação à primeira edição da prova!
Um terço dos participantes optou pela Maratona (60 km), fazendo os restantes os 40 quilómetros da meia maratona.
O traçado, cuidadosamente estudado, levou os participantes a visitarem locais privilegiados em termos de beleza paisagística de Vila Flor, ficando também com uma ideia da diversidade de rochas, culturas agrícolas e vegetação espontânea, que se mostra em esplendor nesta época do ano.
Subindo a 711 metros de altitude na Senhora da Lapa, descendo aos 160 metros perto dos limites do concelho, na Junqueira, em pleno coração do Vale da Vilariça, subindo de novo aos 500 metros de altitude, através da Quinta do Caniço, para terminar, calmamente, em Vila Flor. Depois das árvores frondosas que envolvem o complexo da Barragem do Peneireiro, seguiu-se a descida íngreme até à freguesia do Nabo, continuando por quintas, entre vinhas e olivais centenários, que são das principais riquezas de Vila Flor. O Vale da Vilariça, com características de microclima únicas na região, provocou uma enorme sede nos atletas. A organização ajustou-se, criando novos pontos de abastecimento de água, além dos inicialmente previstos, o que foi do agrado de todos. O calor foi mesmo a única queixa ouvida aos participantes, uma vez que a organização colocou no terreno uma equipa de 20 pessoas (contando com elementos da GNR, Bombeiros e mecânicos).
Depois da prova concluída (os melhores tempos foram de 2h 25m na meia maratona e 2h 49m17s na maratona), seguiu-se um bom banho e um farto almoço, servido nas instalações da sede do Agrupamento de Escolas local.
A organização mostrou-se muito satisfeita, com o elevado número de participantes e com a qualidade dos mesmos. Não houve acidentes dignos de registo e o apoio antes, durante e após a prova, esteve excelente.
Para a organização desta prova o Clube de Ciclismo de Vila Flor, teve o apoio do INATEL, da Câmara Municipal de Vila Flor, Juntas de freguesias de Vila Flor e do Nabo, Associação de Caçadores do Nabo, armazéns da Superbok e Vitalis, e Liberty Seguros.

3 comentários:

Li Malheiro disse...

Olá caro Xo_oX.
Para este evento só uma expressão de Liberdade. Para que se cumpra Abril, que Abril floresça com espirito de liberdade.
Um abraço com amizade.
Li Malheito

Esmeralda disse...

Olá!
É sempre bom saber da realização destes eventos. Parabéns a todos! Força, aí!
Abraço
EL

Guia dos Santos disse...

A equipa de Cicloturismo do Vitória Futebol Clube Ermidense deseja a todos a estes amigos novas iniciativas e passeios.